Para o chef Paulo Neves, a receita do avô traz muitas recordações. Desde o ritual, ao preparo do prato em si, e a forma como aproveitava o alimento por completo. Aqui, ele relembra sua infância e resgata uma receita de família.

“Esse prato remete muito à minha infância em Tiradentes, Minas Gerais. Meu avô paterno criava galinhas, por isso sempre tínhamos ovos frescos e carne de ave fresca. E um prato que me marcou muito foi a ‘galinha ao molho pardo’, sempre preparado aos domingos. Antes deste preparo, havia um ritual de tratamento especial que meu avô fazia, alimentando a galinha com cereais e milho por dez dias. No dia, ele cozinhava a galinha inteira, incluindo pé e cabeça, pois dizia que não se devia perder nada do animal”.
Chef Paulo Neves, da Ghee Banqueteria

GALINHA AO MOLHO PARDO

Rendimento: 5 porções

Ingredientes:
Uma galinha caipira
Sangue da galinha para o molho
Suco de um limão-cravo
4 dentes de alho amassados e picados
3 cebolas médias picadas
2 tomates bem maduros
1 maço de cebolinha
1 pimenta dedo-de-moça sem semente e picada
Sal a gosto
80g de fubá
Um fio de azeite
2 litros de água

sociedade-da-mesa

Modo de preparo:
Assim que extrair o sangue da galinha, coloque o suco do limão, misture e reserve. Corte a galinha em pedaços e tempere com sal e pimenta. Leve uma panela de ferro ao fogo, coloque o azeite, sele a galinha e retire do fogo. Em seguida, doure o alho, a cebola e o tomate. Depois acrescente a pimenta, a água e o fubá. Deixe cozinhar até ficar macia e consistente, abaixe o fogo, coloque o sangue para preparar o molho, misture e deixe ferver. Desligue o fogo por último e coloque a cebolinha picada. Sirva com angu e arroz branco.

Texto: Simone Cunha

Faça parte do nosso clube: vinhos selecionados por uma rede mundial de especialistas, entregues na porta de sua casa, por preços até 40% abaixo dos praticados no mercado! Associe-se!