Para comer e beber, o Piemonte é o lugar

0

Certamente neste ano fizemos um grande esforço na hora de selecionar grandes vinhos de uma das regiões de referência do mundo vitivinícola: o Piemonte. Mas, além de muitas dezenas de vinhos catados e revisados, e de visitas a bodegas procurando vinhos com personalidade e caráter, a grande sorte foi, em primeiro lugar, degustar estes vinhos, e depois conhecer seus criadores.

Mas algo que fizemos desta vez será difícil de repetir pela idiossincrasia local: compartilhar a mesa com o vinho e seu criador. Além de trazer grandes vinhos dessa viagem, passamos muitos momentos à mesa degustando especialidades, conhecendo a terra e seu povo, costumes, vinhos e comida.

É muito comum conhecer a gastronomia da Itália pelos seus pratos mais famosos, como a pizza, a pasta e o risoto. Mas a verdade é que na cozinha italiana coexiste uma enorme diversidade de sabores, texturas e aromas. Percebemos isso, particularmente, em cada região que visitamos, onde certamente descobrimos uma genialidade gastronômica. Mas se há algo que se destaca em Piemonte, é precisamente a exaltação do produto, passando a elaboração a um segundo plano, para dar valor à matéria-prima local.

O complicado de comer na Itália está nas quantidades, já que ocasionalmente não há medida na hora de se sentar para comer. Geralmente, um menu tradicional italiano está estruturado da seguinte maneira:

sociedade-da-mesa

Antepasto
Uma entrada leve. Normalmente pratos frios como uma salada ou algum embutido, mas sempre contam com vegetais e hortaliças da região onde estivermos.
Il primo
É o primeiro prato quente. Normalmente uma sopa ou massa, e também variadas opções vegetarianas.
Il secondo
Este prato principal costuma ser carne ou peixe. Podemos comer pratos como “ossobuco”, a “bisteca a la fiorentina” ou a “busecca”, além de embutidos reconhecidos.
Il contorno
Prato de acompanhamento, que pode ser uma salada ou verduras que são servidas depois do prato principal.
Il dolce
Sobremesa, geralmente doce: podem ser sorvetes, tortas, frutas ou cremes.

Caso você, que é nosso associado, esteja planejando viajar para esta região, aproveitamos para fazer um pequeno intervalo com algumas sugestões para que desfrute da gastronomia local. Começamos indicando o restaurante da bodega que estamos apresentando este mês.

Ristorante Il Cascinone | Acqui Terme www.ilcascinone.com
Ristorante Violetta | Calamandrana www.ristorantevioletta.com
Ristorante La Ciau del Tornavento | Treiso www.laciaudeltornavento.it
Guido Ristorante | Fontanafredda www.guidoristorante.it
Ristorante Belbo da Bardon | San Marzano Oliveto
San Marco Ristorante | Canelli www.sanmarcoristorante.net

Texto: Alberto Pedrajo
Tradução: Paula Taibo

Faça parte do nosso clube: vinhos selecionados por uma rede mundial de especialistas, entregues na porta de sua casa, por preços até 40% abaixo dos praticados no mercado! Associe-se!

 

Deixe um comentário