Este vinho complementa a nossa Seleção Obras-Primas do mês anterior. O Crocera 2015 é outro Barbera D’Asti, só que elaborado com outro estilo e outros matizes, que nos permitirão entender melhor a versatilidade e o potencial da pequena irmã da Nebbiolo. Esta variedade, quando elaborada com precisão, critério e perspectiva, pelas mãos de um enólogo apaixonado como Claudio Manera, é capaz de superar, e muito, as expectativas pré-estabelecidas. É o caso deste vinho: Claudio selecionou as uvas procedentes de vinhedos com idade média de 15 anos. Sua aposta na Barbera beira a obsessão, procurando fazer vinhos expressivos, porém, sem complicações ou concentrações excessivas, com uvas de boa qualidade e de adequada maturidade. A atenção aos detalhes garante a produção de vinhos, como este Crocera 2015: um vinho com estilo, maduro, intenso e com um paladar sedoso, quase doce, sobre uma grande estrutura.

País: Itália
Região: Piemonte
Indicação Geográfica: Barbera D’Asti Superiore DOCG
Uva: 100% Barbera
Maturação: 12 meses em barris de carvalho francês 15% novos
Álcool: 14% vol.
Produtor: Azienda Agricola Il Cascinone

O vinho
As uvas Barbera procedem de seis hectares de vinhedos em ladeiras ao sul e ao leste, nas terras de Il Cascinone, nas colinas de Monferrato. A uva fermentou a uma temperatura controlada durante aproximadamente seis dias. Os remontados frequentes ajudaram na extração ótima de matéria colorante e aromas. Após a fermentação alcoólica, o vinho foi trasfegado, para realizar a fermentação malolática em barris de carvalho francês, onde permaneceu por 12 meses até completar sua crianza. Por fim, foi engarrafado depois de um breve período de afinamento em depósito de aço inoxidável, para sua completa integração.

Cata
De intensa cor granada, com tons malva no fundo da taça. Nariz expressivo de ameixa madura, bem picante, com um toque de madeira bem integrado. A boca aveludada mostra densidade, maturidade e robustez, aparecendo novamente notas de ameixa intensa e madeira neste vinho delicioso, que chegará longe.

sociedade-da-mesa

Harmonização
Perfeita indicação para as datas festivas de fim de ano. Mesmo com a temperatura aumentando, uma boa sopa de legumes irá bem como entrada, para continuar com pratos de ave. Recomenda-se um molho de vinho e amei­xas, trufa ou chocolate. Ideal para desfrutar com a família e os amigos.

Serviço
Sua temperatura de consumo deve encontrar-se em torno dos 15 a 17ºC. Não será necessária sua decantação nem abertura prévia ao momento de consumo, ao menos nos próximos meses.

Guarda

Está em um ótimo momento entre a expressão frutal e a crianza. Estima-se um consumo ótimo dentro dos próxi­mos oito anos (2017 a 2025).

Texto: Alberto Pedrajo
Tradução: Paula Taibo

Faça parte do nosso clube: vinhos selecionados por uma rede mundial de especialistas, entregues na porta de sua casa, por preços até 40% abaixo dos praticados no mercado! Associe-se!