No sudoeste da Alemanha, encontra-se a zona vitivinícola de Württemberg. Menos conhecida que sua vizinha Baden. A região de Württemberg apresenta diferenças notáveis em seu clima, solos e na personalidade de seus vinhos.

Uma das principais diferenças em relação a Baden, é que Württemberg é uma região conhecida principalmente pelo vinho tinto e não pelo branco, tão representativo da Alemanha.

Württemberg é a quarta região produtora de vinho na Alemanha. E a primeira em produção de vinhos tintos. Seus vinhedos estão em torno de 80% da superfície de cultivo de variedades tintas.

A superfície vitícola atual gira em torno de 11.000 hectares. A variedade mais difundida é a Trollinger (22%), que é utilizada com frequência para elaborar vinhos tintos finos, frutados e fáceis de beber, seguido por Riesling (18%), Schwarzriesling (15,6%), Lemberger (13,4%), Spätburgunder (7,6%), Kerner, Muller-Thurgau, Samtrot, Dornfelder, Acolon, Silvaner e Grauburgunder. As variedades Lemberger, Trollinger e Dornfelder, praticamente só são cultivadas nesta zona vitivinícola. Muitas das variedades que atualmente estão sendo relevantes dentro da viticultura alemã, como por exemplo a Dornfelder, que este mês foi selecionada, vêm de Württemberg.

A topografia difícil da região de Württemberg desenha uma paisagem única. Que obriga que o
cultivo do vinhedo se desenvolva em mais de 60% em encostas íngremes e terraços. Que às vezes chegam a uma inclinação de 20%, o que dificulta a gestão do cultivo.

sociedade-da-mesa

O clima desta região é relativamente suave. Com verões não muito quentes e invernos não muito frios. As precipitações adequadas fazem com que Württemberg apresente condições ideais para produzir vinhos de excelente qualidade, mas durante o outono, a colheita fica condicionada ao vento e geadas.

As bodegas estão localizadas, em sua maioria, ao redor do rio Neckar e de seus afluentes, perto das cidades de Stuttgart e Heilbronn, mas por se tratar de uma extensa região,cada zona apresenta um caráter próprio e específico, e as zonas viticultoras como Bayerischer, Oberer Neckar, Württemberg Unterland e Remstal- Stuttgart apresentam suas próprias personalidades, que concedem o caráter ao vinho da região de Württemberg.

A viticultura de Württemberg está muito “pulverizada”. É gerenciada por um total de 16.500 famílias, das quais 14.980 são membros de uma das aproximadamente 70 cooperativas existentes. A maioria das propriedades vitivinícolas gerencia parcelas relativamente pequenas, seu tamanho médio não chega a 0,60 hectare, sendo a maioria viticultores de meio expediente.

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!