O MAIS NATURAL
Parque Natural Cabo de Gata (Almería). Flor de sal

Depois de um ano seco ao sol. Os pequenos grãos que emergiram do fundo das salinas convertem-se nas lâminas de cristal com que será produzida a Flor de Sal. Que recebe o apelido de “O Caviar de Cabo de Gata”. É um produto gourmet muito apreciado. Coletado manualmente.

5Textura fina e crocante. Cor branca e formas irregulares; essas são as credenciais com que se apresenta na sociedade a Flor de Sal Cabo de Gata. Um produto gourmet de produção limitada. Extraído manualmente dos reservatórios que se encontram no Parque Natural Cabo de Gata-Níjar, em Almería. De onde vem o seu nome. Deve suas particularidades ao fato de ter sido coletada ao amanhecer. Em condições climáticas típicas das noites de verão e em meio a grandes contrastes de temperatura. Os encarregados de sua coleta separam com uma pá, os cristais de sal da superfície da salmoura na primeira hora da manhã. Antes que o vento leve-os até o fundo do depósito.

A seguir, coletam-nos em grandes “bigbags” e os deixam secar ao sol por cerca de um ano, para reduzir o nível de humidade, sem perder seu característico sabor de mar.  Transcorrido este período, o sal é limpo de possíveis impurezas, é passado ao processo de centrifugação e classificado do ponto de vista da granulometria. O tamanho dos grãos deste artigo de luxo varia entre 2 e 4 milímetros, o que os torna aptos a serem colocados diretamente sobre o produto que vai ser ingerido. É muito recomendável como tempero de saladas, carnes grelhadas, peixes ou legumes cozidos. Seu sabor apresenta um delicado gosto a violeta devido à ação de uma microalga denominada Dunaliella Salina.

sociedade-da-mesa

Como os grãos foram coletados flutuando sobre a água, a Flor de Sal não está contaminada com a lama do fundo dos tanques, e mantém importantes propriedades de cálcio e magnésio, que são consideradas muito benéficas ao organismo. Situadas no extremo sudeste da Península Ibérica, em um entorno qualificado como Reserva Natural da Biosfera, os primeiros documentos que existem sobre a exploração das salinas de Cabo de Gata datam do século XI, ainda que pensem que também foram trabalhados pelos povos fenícios e romanos.

Sobremesa é a revista de vinhos e gastronomia de Vinoselección.

Texto: Alvaro López del Moral
Fotos: Alvaro Fernandez Prieto

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!