me

Não é a primeira vez que selecionamos um vinho de Mendoza. E, portanto, não é a primeira vez que falamos de Mendoza. Uma região que nos últimos anos cresceu, amadureceu e se consolidou mundialmente como uma das grandes regiões vitivinícolas.

É difícil estabelecer qual foi a primeira área de produção de vinhedos na Argentina. Já que a videira é um cultivo de tipo doméstico que tem acompanhado os movimentos de migração ao longo da história. Mas é verdade que a região de Cuyo (Mendoza e San Juan), é uma área que sempre se destacou pelas ótimas condições climáticas para que o cultivo do vinhedo se desenvolvesse.

No hemisfério sul existe uma área particularmente privilegiada para o cultivo do vinhedo. Ideal para elaborar vinhos de qualidade: é aquela localizada na latitude 32˚, que atravessa justamente a província de Mendoza.

Nesta região, existe um solo fino, de características aluviais de origem quaternária rochosa e arenosa. Rico em potássio, com uma altitude de aproximadamente 900 metros acima do nível do mar. Irrigado por canais e valas de água cristalina e pura, rica em minerais, proveniente do degelo da Cordilheira dos Andes.

sociedade-da-mesa

Com mais de 300 dias por ano de insolação, seu clima tem características semi-desérticas. Com uma temperatura média anual de 16˚C, com máxima de 36˚C e mínima de -5˚C, que alcança nos verões uma amplitude térmica adequada. Quando a amplitude térmica supera 20˚C durante o período de amadurecimento das uvas, é favorecido o desenvolvimento do amadurecimento fenólico. Resultando em uvas únicas, de alta qualidade enológica, com grande concentração da cor e aromas complexos.

Como já dissemos em artigos anteriores, é este conjunto de fatores únicos e extraordinários
que permite ter vinhos de definidas e específicas características: encorpado, com marcantes
níveis de álcool, mas muito amáveis, com um intenso perfil frutado, que nos dá a expressão ou a
tipicidade da região de Mendoza. E é assim que seus vinhos têm tido o reconhecimento mundial.

Mendoza é vinhedo. Na cidade, em seus bairros, sua província, onde quer que haja uma extensão de terra fértil e água disponível, encontraremos um vinhedo. Uma das grandes coisas de Mendoza é a sua paisagem deslumbrante. A pouca chuva que define o horizonte semi-árido contrasta com a majestade da Cordilheira dos Andes, uma fotografia bucólica que não deixa ninguém ficar indiferente: céu azul, Andes brancos, montanhas ocre e um mar de vinhedos verdes.

Faça parte do nosso clube: vinhos selecionados por uma rede mundial de especialistas, entregues na porta de sua casa, por preços até 40% abaixo dos praticados no mercado! Associe-se!

 

Vinhos TintosPowered by Rock Convert