Texto : Renato Soares

A alcachofra, quem diria, tem nome de gente, embora um sobrenome com o qual provavelmente não batizaríamos nossos filhos: Cynara scolylimus L. Originário da região do Mediterrâneo e trazido ao Brasil pelos imigrantes europeus, o vegetal vai bem como alimento e também como medicamento. Os antigos romanos eram grandes fãs, tanto pelo sabor e suculência, quanto pelas benefícios digestivos.

Curiosamente, muita gente considera a alcachofra apenas um remédio, por conta dos milhares de extratos, pílulas etc., amplamente divulgados nas madrugadas do comércio eletrônico da TV, entre um corujão e outro. Só que da alcachofra aproveitase tudo, em deliciosos pratos e preparos: cozida, frita, assada, à milanesa, em tortas, pizzas e muito mais. Na alcachofra cozida é ritualístico degustar folha por folha, reservando o miolo (ou polpa, ou coração) para ser apreciado lentamente no final. Quanto à sua composição, a alcachofra oferece muitas benesses
ao organismo. Além de ser um diurético natural, ela é rica em fibras, tem propriedades antiinflamatórias, laxativas, antibacterianas, auxilia na prevenção de doenças
hepáticas e muito mais. Até ajudar na diminuição do colesterol ruim, ela ajuda. Confira a composição:

• Flavonóides: são antioxidantes e combatem os radicais livres, além de darem alguns
safanões nas bactérias nocivas.
• Cinarina e silimarina: fazem muito bem para o fígado, podendo até mesmo regenerar seus tecidos,
além de aumentar o fluxo biliar.
• Quercertina, rutina, antocianina e luteolina: antioxidantes de primeira linha.
• Vitamina A: boa pra criançada crescer, além de proteger os olhos e desacelerar o envelhecimento.

• Vitamina B5 (ácido pantotênico): regula a energia, diminui o estresse e o cansaço físico, e faz bem pra pele.
• Vitamina B6 (piridoxina): dá uma turbinada no crescimento celular e ajuda na síntese de proteínas. Também contribui para o equilíbrio hormonal.
• Vitamina B9 (ácido fólico): ótimo para o coração funcionar direitinho.
• Vitamina B12 (cobalamina): importantíssima, faz muito bem para o sangue e contribui para o bom funcionamento do sistema nervoso.

• Vitamina C (ácido ascórbico): boa para o sistema imunológico, protege e reduz os sintomas de gripe e resfriados.
• Outros componentes: ferro, essencial para o dia a dia e para a produção da hemoglobina que transporta o oxigênio através do sangue; fósforo, que ajuda a ter boa memória; enxofre, que fortalece cabelos, unhas e ossos, e contribui para a flexibilidade do corpo; cálcio: o inimigo nº 1 da osteoporose e amigo nº 1 dos ossos; iodo, magnésio, zinco, potássio e manganês. Viu como a Cynara é poderosa? Portanto, se você ainda não apreciou o sabor desta iguaria exótica, pense melhor. E trate de incluí-la naquela sua listinha de não-sei-quantas coisas fazer antes de passar desta para melhor.

Conheça as vantagens de fazer parte da Sociedade da Mesa, clube de vinhos! Associe-se!