Tinto do sul da França para beber com a família e amigos”.

Os franceses do sul da França costumam dizer que o território que habitam é mais que uma simples região, é um estado de espírito

Viver sob um céu ensolarado por mais de 300 dias no ano, muitas vezes ao som das cigarras, abrir uma garrafa de vinho e partilhar uma boa refeição com pessoas queridas, tirar uma pequena soneca, dar um mergulho no Mediterrâneo… Essa é “art de vivre” (arte de viver) do francês do sul, no qual a leveza e os prazeres da vida reinam supremos.

E é justamente do sul da França que vem o nosso Domaine Pujol Izard Les Capitelles Rouge 2017, o vinho que quero apresentar hoje. 

Moldado pelo calor da região, pelas muitas hora de sol e pelo solo seco (composto de uma mistura de argila, arenito, pedras e calcário), é um vinho frutado e macio, que se encaixa perfeitamente nessa ideia de compartilhar, celebrar e bem viver.

Ele é da I.G.P. Coteaux de Peyrac, uma denominação cujos vinhos pouco frequentam as taças no Brasil,  mas que está localizada dentro da famosa região de Languedoc – uma grande descoberta para nós.

Trata-se de um blend de quatro uvas: Carignan, Grenache, Merlot e Cinsault. A uva Carignan, que necessita de clima quente para domar os taninos e a elevada acidez, domina o blend em 60% e mostra sua melhor versão: dá ao vinho não só estrutura, mas também deliciosas notas de frutas negras, pimenta e um suave traço herbáceo.

O conjunto resultou em um vinho descomplicado, que você deve ter na sua adega e para praticar a sua “art de vivre”.

Abraços e boa degustação!