“Do Vale do Rhône, um tinto francê premium, marcante e refinado.” 

Lucas Cordeiro

Quase todo apreciador que conhece um pouquinho sobre vinhos franceses tem o nome Côtes-du-Rhône na ponta da língua.

Essa denominação regional do Vale do Rhône oferece os vinhos mais acessíveis de lá e, entre eles, podemos encontrar desde deliciosas surpresas até alguns exemplares decepcionantes, dada a enorme produção.

Sim, estamos falando da segunda maior região produtora da França, perdendo apenas para Bordeaux.

Mas não são só vinhos de produção volumosa que encontramos aqui.

Nomes de denominações como Châteauneuf-du-Pape, Côte-Rôtie e Hermitage, por exemplo, pertencem ao nobre grupo dos 17 “crus” do Vale do Rhône

Com volumes de produção menores e alta qualidade, são a nata da produção de vinhos desta região, com seus rótulos conhecidos e desejados entre os mais experientes.

E falar nesse grupo seleto de denominações tem uma razão aqui.

Entre os 17 “crus” o nome mais recente a se juntar foi Vacqueyras, em 1990, justamente o terroir de origem do nosso Brotte Vacqueyras Bouvencourt 2017.

A denominação Vacqueyras é frequentemente descrita pelos experts mundo afora como fonte de vinhos cheios de personalidade e, ao mesmo tempo, equilibrados e refinados.

Nosso exemplar trilha bem por esse caminho.

No Brotte Vacqueyras Bouvencourt 2017 não espere encontrar peso ou rusticidade.

Você vai se deparar com a elegância:

  • tanto na paleta aromática de boa intensidade, que mescla as típicas notas frutadas com nuances de ervas finas, trufas e azeitonas;
  • quanto no paladar de boa estrutura, harmonioso, com taninos finos e frescor sob medida, além de um final de boa persistência.

Um vinho único, que você não pode deixar de tê-lo em sua adega! 

Abraços e boa degustação!