/Por Ana Beatriz Miranda

O vinho Chablis é considerado por muitos o mais famoso branco do mundo. Esse grande ícone da viticultura francesa conquistou apreciadores ao redor do planeta, sendo inclusive muito imitado por outros países produtores. Contudo, as bebidas similares não alcançavam a qualidade ímpar do Chablis original, embora muitos ostentassem o nome em seus rótulos. Felizmente, desde quando a denominação de origem foi criada, em 1938, apenas o Chablis verdadeiro pode ser chamado assim.    

Região de Chablis

Além de nomear o estilo do vinho, Chablis também é a região e a cidade, que fica ao norte da Borgonha, no nordeste francês. Ela fica localizada bem perto de Champagne, é fria, sem influência do mar, com verões não muito quentes e invernos rigorosos. Como podem ocorrer geadas e chuvas de granizo na região, há uma instabilidade de clima que interfere na produção, qualitativa e quantitativamente. Por isso, é importante pesquisar sobre as melhores safras. 

Estilo do vinho Chablis

Chablis é um vinho elaborado com a Chardonnay, a única uva permitida na região, superseco, charmoso, com aromas e sabores puros. Ele é muito diferente de outros varietais de Chardonnay e a explicação para isso é o solo em que as videiras são cultivadas. Argilo-calcário, o solo é muito antigo, remontando à Era Jurássica Superior. Há camadas de fósseis marinhos, sobretudo cascas de ostras fossilizadas, que conferem um toque mais mineral do que frutado bastante característico. 

Quanto ao uso de madeira, tão comuns a vinhos de Chardonnay, existe uma controvérsia para o Chablis. Ele era envelhecido tradicionalmente em barricas de carvalho muito usadas que transferiam poucos aromas e sabores ao líquido. Porém, o excesso de uso dificultava o controle da higiene e aumentava a frequência dos defeitos no vinho. Logo a bebida passou a amadurecer em tanques de aço inoxidável, mantendo uma qualidade constante.

Mas alguns produtores resolveram lançar mão da madeira novamente, no fim do século 20, usando barricas novas que conferiam suas características ao Chablis, de forma sutil e controlada, para que o estilo clássico não se perdesse. Polêmicas à parte, com madeira ou sem madeira, o Chablis sempre será um vinho nobre, encantador e festejado pela própria natureza. 

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!