/Por Ana Beatriz Miranda

Quando a gente começa a apreciar vinhos, rapidamente notamos a vastidão dessa bebida. São muitos países produtores, muitas regiões, uvas, estilos e tipos. A história desse líquido remonta a tempos imemoriais. Por isso, com tanta riqueza de detalhes, algumas pessoas podem se sentir inseguras ao comprar vinho pela internet. Afinal, entre tantas opções, como escolher um rótulo que não irá decepcionar? As duas principais dicas são saber onde comprar e conhecer minimamente o seu gosto. Hoje existe uma infinidade de sites vendendo vinhos, dos grandes aos pequenos e-commerces.

Comprar vinho pela internet

Garantir que a empresa online é segura é o primeiro passo. Os sites confiáveis têm certificação no rodapé, atendimento de fácil acesso e informações completas sobre os produtos. Além disso, conhecer os nomes e as características das uvas é importante. As principais uvas tintas e as brancas mais clássicas, pelo menos. Saber, por exemplo, que Cabernet Sauvignon e Malbec são mais potentes que Pinot Noir e Gamay. E que Chardonnay e Sauvignon Blanc são as brancas mais degustadas. 

Ainda que você não tenha muito conhecimento sobre a bebida, tente entender seu paladar. Você gosta mais de vinho adocicado ou seco? Tintos, brancos, rosés ou espumantes? Mais frutados ou com influência da madeira? Faça uma lista do que você espera do vinho para procurar esses detalhes na hora da compra. A classificação de açúcar residual costuma vir estampada nos rótulos. Os sites costumam trazer essa especificação na ficha técnica do produto, assim como as uvas utilizadas, a região de origem, as pontuações. 

Se você busca exemplares mais frutados e fáceis de beber, a chance de errar é pequena com vinhos do Novo Mundo, principalmente Brasil, Chile e Argentina, de safras recentes e sem passagem por barricas de carvalho. Mas vale muito a pena provar clássicos do Velho Mundo também, os vinhos da Europa. Se você quer um vinho mais complexo, amadurecido, aqueles que passam envelhecendo em madeira costumam ter os termos Reserva ou Gran Reserva nos rótulos. Na hora da dúvida, conferir os comentários do rótulo ajuda bastante. Embora cada um tenha seu próprio gosto, a opinião de outros consumidores pode ser útil. 

Uma das vantagens de comprar vinhos pela internet é a variedade. Ainda que você não sinta segurança de ousar muito nas escolhas, é possível encontrar muitos rótulos de uma mesma uva e safra, mas de diferentes vinícolas e países. Essa é uma forma de expandir aos poucos o seu repertório, sem grandes sustos. Observar se o vinho é de uma denominação de origem também é uma boa dica. DOC, DO, AOC, DOCG, todas essas siglas garantem a procedência da bebida, indicando sua qualidade.  

Para você ir sentindo a sua evolução de conhecimento da bebida, é interessante catalogar os exemplares consumidos. Há aplicativos excelentes que permitem seus comentários pessoais. Mas anotar em um caderno de degustação é igualmente válido. O mundo do vinho é amplo demais para não provarmos novos rótulos. Vale muito a pena comprar vinho pela internet. Diversificar as escolhas pode surpreender nossos sentidos e, melhor que isso, fomentar nossa descoberta dos segredos do vinho.   

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!