/Por Carolina Almeida

Os pódios da F1 não são disputados apenas entre pilotos. As casas de espumantes também fazem fila para ter seus vinhos nas premiações. Desde os anos 2000, quatro marcas já despontaram – Moët & Chandon, G.H. Mumm, Chandon e Carbon. Agora, em 2021, é a vez de uma marca italiana: pelos próximos três anos, quem dará os banhos de borbulhas é a Ferrari Trento, fundada em 1902 na província de Trento.

Em mais de 100 anos de história, esteve apenas uma vez na F1, no Grande Prêmio de Monza de 1981. Para garantir a alegria dos pilotos e das equipes técnicas, o espumante escolhido foi um blanc-de-blanc 100% chardonnay,
em garrafa Jeroboam, de 3 litros.

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!