/Por Ana Beatriz Miranda

Por muito tempo, o decanter foi um acessório elitista do vinho, usado apenas por especialistas.

Ainda bem que hoje ele se popularizou e se tornou imprescindível para quem aprecia a bebida porque ele traz inúmeros benefícios.

Tecnicamente decantar é separar líquido de sólidos. E essa é uma das funções do decanter, sim, mas não a única. 

Ele separa os sedimentos que porventura existirem no vinho, borras e afins. Contudo, a principal ação do decanter é aerar a bebida.

Isso é essencial para que o vinho abra seus aromas e sabores, exaltando suas melhores características.

Aerar é permitir que o líquido respire, em contato com o ar, ganhando mais vida e expressividade. 

O decanter de vinho é feito de vidro ou cristal para que a análise visual já comece por ele. Depois do tempo adequado de aeração e sedimentação, a bebida é servida diretamente do decanter para as taças.

Se traz tantos benefícios, então todo vinho deve passar por um decanter antes de ser servido?

A resposta não é tão simples.

Há quem prefira decantar todos os vinhos porque aprecia uma maior abertura de aromas e sabores.

E existem pessoas que preferem abrir a garrafa e deixar o vinho respirar apenas pelo gargalo mesmo, para que os aspectos originais sejam mantidos. Depende do vinho e do gosto pessoal. 

O fato é que vinhos que passam pelo decanter são alterados pela aeração. Uma dica boa é provar um pouco da bebida antes de decidir colocá-la no decanter. Se você entender que ela pode ser mais macia e aromática, vale a pena usar o acessório. 

Vinhos tintos mais maduros, que estão há pelo menos um ano amadurecendo nas garrafas, são indicados para o decanter.

Exemplares de aromas e sabores muito complexos também.

Bordaleses, Barolos, Barbarescos e supertoscanos, por exemplo, são excelentes candidatos ao decanter.

Vinhos mais jovens, porém robustos, alcoólicos ou tânicos em excesso, também ficam melhores passando pelo acessório. 

Quanto ao tempo, não há regras rígidas.

Para os vinhos mais simples, uns 15 minutos serão suficientes para mais exuberância. Para os mais antigos, de 30 minutos a 2 horas. Agora se o vinho for velho, ao atingir o potencial de guarda ele estará pronto para o consumo e não precisa ser aerado. Sendo assim, o decanter deve ser usado apenas para sedimentação das borras e o serviço deve ser imediato.

Aproveite as promoções disponíveis na Loja online:

vinho
Itália
Região: Piemonte
2015 / 750 ml / Tinto
Crocera 2015 Dasti Supreme - Tinto
R$ 224,00
MAIS DETALHES
vinho
Região: Bordeaux
2 Un. / taca
Tacas Bordeaux Cj 2 Tacas
R$ 81,00
MAIS DETALHES
vinho
Região:
Selos de Vinhos / ACESSORIOS PARA VINHO
Marcador De Tacas - Selo
R$ 48,00
MAIS DETALHES
vinho
Chile
Região: Valle del Maipo
2015 / 750 ml / TINTO
Echeverria Quasar Wines Limited Edition Syrah 2015
R$ 204,00
MAIS DETALHES
vinho
Portugal
Região: Douro
2015 / 750ml / Tinto
Vinho Quinta Da Veiga Murzelo Reserva Tinto 2015
R$ 194,00
MAIS DETALHES
vinho
Região: Marlborough
2016 / 750 ml / Tinto
Ribbonwood Pinot Noir 2016
R$ 250,00
MAIS DETALHES
vinho
França
Região: Borgonha
2018 / 750 ml / Branco
Vinho Branco Baudouin Millet Chablis 2018
R$ 348,00
MAIS DETALHES
vinho
Turquia
Região: Aegean
2019 / 750 ml / Rosé
Vinho Rosé Villa Doluca Klasik 2019
R$ 87,55
MAIS DETALHES
vinho
Romenia
Região: Dealurile Munteniei
2018 / 750 ml / Tinto
Vinho Tinto La Crama 2018
R$ 104,00
MAIS DETALHES
vinho
Itália
Região: Trentino Alto Adige
2019 / 750 ml / Tinto
Vinho Tinto Forte Alto Teroldego 2018
R$ 102,00
MAIS DETALHES