José Polo, coproprietário e sommelier do restaurante Atrio, na região de Cáceres (no oeste da Espanha), mandou um recado para quem está por trás do assalto de vinhos finos, no qual 45 garrafas foram levadas. “Eu compraria os vinhos dos ladrões, especialmente o Château d’Yquem de 1806.” Polo revelou que dez safras antigas de Château d’Yquem e mais de 20 vinhos Romanée-Conti, da Borgonha, avaliados em mais de 1 milhão de euros, estavam entre as relíquias.

“Devido à raridade desses rótulos, alguns dos quais são safras muito antigas, seria extremamente difícil para eles serem vendidos”, disse uma fonte da casa de leilões Christie’s. As bebidas foram seguradas antes do roubo. “Mais do que as garrafas de vinho, eles roubaram nossos sonhos”, disse ela.

Especialmente a garrafa rara do Château d’Yquem de 1806: parte fundamental da história do restaurante, ela foi adquirida no leilão da Christie’s. Os enólogos do Château precisaram transferir o líquido para outra garrafa em 2001, quando o vidro trincou perto do gargalo do recipiente original.

“Uma mulher, na casa dos 40 anos, com passaporte suíço e peruca estava acompanhada pelo homem que executou o assalto. Acho que o casal foi contratado para fazer o roubo”, disse Polo. Assim como no mercado de artes, é possível que os vinhos tenham sido roubados por encomenda, a mando de um colecionador, por exemplo.

Confira os vinhos premiados disponíveis para compra:

vinho
Brasil
Região: Serra do Sudeste
2010 / 750 ml / TINTO
Lidio Carraro Grande Vindima Tannat 2010
R$ 474,00
MAIS DETALHES
vinho
Chile
Região: Valle del Maipo
2015 / 750 ml / TINTO
Echeverria Quasar Wines Limited Edition Syrah 2015
R$ 173,40
MAIS DETALHES
vinho
Região: Sicilia
2016 / 750 ml / Tinto
Zabu Nero D Avola 2016
R$ 86,00
MAIS DETALHES
vinho
Espanha
Região: Rioja
2016 / 750 ml / Tinto
Generacion Mc 2016
R$ 355,00
MAIS DETALHES
vinho
Itália
Região: Piemonte
2015 / 750 ml / Tinto
Crocera 2015 Dasti Supreme - Tinto
R$ 224,00
MAIS DETALHES