/Por Carolina Almeida

O que fazer quando, em um jantar romântico, você descobre que seu par não bebe vinho? Para garantir que isso não aconteça, as estudantes de MBA em comunicação e marketing de vinhos, em Bordeaux, Alicia Dumas e Marie-Julie Jegot criaram o Tchin, um app de encontros baseado nos gostos enológicos dos integrantes (uma espécie de Tinder do vinho).

Além de preencher o perfil com informações como nome, idade e foto, a pessoa deverá indicar quatro regiões vinícolas preferidas, o tipo de vinho de que mais gosta etc. Se as duas partes combinarem, é dado o “tchin” (como o som do brinde de duas taças). O aplicativo ainda sugere locais para o primeiro encontro e rótulos para marcar o momento.